terça-feira, 22 de agosto de 2017

[ENTREVISTA] ELILENE ARAÚJO

Brendo Hoshington


“Também não imagino a minha vida sem você ao meu lado, eu te encontrei na hora certa e era você que eu precisava para ser fe­liz. Eu te amo e vou te amar pra sempre, nunca imaginei que poderia ser amado dessa forma por alguém.”
(Livro A menina da saia rosa).
Elilene Araújo

Olá olá todo mundo, estamos de volta e hoje para trazer um pouco da escritora Elilene Araújo, autora dessa lindeza que é A menina da saia rosa.


Confira a sinopse no site da editora.

1. Quem é você?

Elilene Araújo, nascida em Manaus, com a idade de 9 anos fui morar no maranhão. Sou formada em pedagogia pela Universidade Estadual do Maranhão (UEMA) e especializada em educação Infantil. Atualmente trabalho como professora da Educação Infantil, que é uma das minhas paixões. Sou viciada em livros de romance, além de gostar de escrever.

2. Quando percebeu que a escrita fazia parte da sua vida?

Eu criava histórias na minha cabeça, achava até interessante, um dia eu resolvi escrever, não passaram de 10 linhas, mas achei que tinha ficado bom, então comecei a pesquisar um lugar onde se passaria aquela história, nomes para os personagens e assim eu percebi que amava escrever.

3. Qual o primeiro livro que se lembra de ter lido?

“A Moreninha”.

4. Como era a primeira história que você criou?

Começa com duas crianças que acabam tornando-se melhores amigos. O tempo passa e eles vão perceber que aquele amor sentindo por eles não é mais apenas de amigos. A história tem uma reviravolta quando a personagem decide ir morar em outro lugar. (Não posso contar muito porque escrevi um livro com ela).

5. Quais são suas inspirações?

Gosto bastante no Nicholas Sparks, Glaucia santos, Clarice Lispector.

6. Metas para o futuro?

Poder publicar mais livros, e que eu possa ser inspiração para outras pessoas.

7. Como você enxerga o quadro atual da literatura no Brasil?

Hoje percebemos que os escritores brasileiros vêm ganhando destaque nas livrarias, e isso é bom pra nós que estamos começando agora, e assim desmistificar que só os livros estrangeiros são bons.

8. Qual é o seu livro nacional predileto?

“Para sempre”. Autora Glaucia Santos.

9. O que gosta de fazer nas horas vagas?

Assistir filmes e ler.

10. O que você diria para uma pessoa que está começando agora.

Como também estou começando agora, ter paciência, pé no chão, e acreditar que vai dar tudo certo, cedo ou tarde vamos ter reconhecimento, isso é muito bom seja pra qualquer profissão.

11. O que te fez escolher a Pendragon?

Conheci a Pendragon através de um autor que é da casa, comecei a fazer um curso na editora e assim constatei o quanto fazer parte dessa família é gratificante, são pessoas serias, responsáveis, que sempre estão prontos para ajudar um ao outro. Dizem que “a união faz a força”, e de fato é verdade, vejamos à proporção que a pendragon está, isso é um resultado de um trabalho limpo e transparente. 

Confira agora um trecho de a menina da saia rosa:

William lentamente beijava-a acariciando suas costas, falava baixinho ao seu ouvido quase sussurrando, Helena sentia-se prote­gida naqueles braços, aquela respiração tocando seu rosto fazia seu coração bater acelerado. Sentiu um beijo tocar seu rosto e virou aos poucos para beijá-lo, sorriu fechando os olhos, lentamente William foi puxando-a para mais perto de si, Helena sabia que havia chegado a hora e não se via em outro lugar se não naqueles braços. Foi nesse momento que ouviu falar.

— Eu estou fazendo com que seja tudo perfeito pra você, eu estou te dando todo o meu amor. — E virou o rosto para beijá-la.

William levantou segurando sua mão e ergueu-a, trazendo para mais perto do seu corpo.

— Você está pronta? — falou dando cálidos beijos em seu pes­coço.

— Sim — disse baixinho ao seu ouvido com olhos fechados.

William levou-a para o quarto, estava nervoso tanto quanto ela. Ele começou a desabotoar seu vestido beijando levemente sua pele, Helena sentiu a respiração dele em seu pescoço, os seus lábios foram subindo chegando ao seu queixo, quando tocaram os seus, era um beijo lento, doce, seu corpo inteiro estremeceu, fazendo-a fechar os olhos sentindo seu coração bater mais forte. Quando seus corpos se encontraram, William olhou-a nos olhos, perdido no brilho da­quele olhar. Seus corpos unidos queimavam de paixão, era uma mis­tura de desejo e querer. Ela ansiava há muito por aquele momento e nada poderia ser mais perfeito. Os dois permaneceram na cama dei­tados, Helena descansou a cabeça sobre o peito dele e com as mãos entrelaçadas, desejando que aquele momento não acabasse nunca, William olhou para ela sussurrando inúmeras vezes ao seu ouvido.

— Eu te amo Helena. — E beijou seu rosto com doçura.

— Eu também te amo William. — E sorriu do modo carinhoso dele. 



Já pensou em ter uma almofada do seu livro preferido? Ou daquela série que você não perde um episódio? Então conheça a Pillows - Almofadas Personalizadas, uma loja do Book of Livros.







Brendo Hoshington / Administrador & Editor

Mora em Pernambuco e sonha em conhecer o mundo, mas por enquanto viaja apenas em livros e séries.

2 comentários:

  1. Para quem pode ler as primeiras páginas de "A Menina da Saia Rosa" como eu, percebeu que a Elilene possui um grande talento como escritora. Além disso, é uma excelente pessoa. Parabéns, Eli!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso Bia, atiça ainda mais minha curiosidade por ler esse livro haha

      Excluir